Publicidade

Notícias de saúde

Cafeína atrapalha o sono de quem se sente mais ativo durante a manhã

05 de março de 2012 (Bibliomed). De acordo com uma nova pesquisa, a quantidade de cafeína ingerida durante o dia pode atrapalhar o sono, mas apenas para pessoas que são mais ativas pela manhã. Quem se sente mais ativo durante a noite não enfrenta o mesmo problema.

O estudo é o primeiro a estabelecer uma ligação entre cronotipos (categorização de pessoas de acordo com a hora do dia no qual elas estão mais ativas e alertas) e o consumo de cafeína.

50 universitários participaram da pesquisa, monitorando seu sono e a ingestão de cafeína durante uma semana. Os estudantes estavam, em geral, privados de sono, e por isso dormiam bem quando finalmente iam para a cama. Mas para aqueles que se sentiam mais ativos durante as manhãs, a quantidade de cafeína presente na corrente sanguínea afetava a quantidade de tempo em que eles ficavam acordados durante a noite depois de terem adormecido. O mesmo não aconteceu com os estudantes que se sentiam mais alertas durante a noite.

A quantidade de cafeína presente no sistema de uma pessoa na hora de dormir varia muito. Enquanto alguns indivíduos se livram da substância rapidamente, o processo pode ser mais lento para outros. Assim, o café consumido na hora do almoço pode ainda estar no corpo de certas pessoas em horas avançadas da noite. Portanto é complicado dizer se uma pessoa em particular deve evitar os problemas de sono causados pela cafeína simplesmente evitando chá e café durante a tarde e começo da noite.

Mais estudos são necessários para que os dados da pesquisa sejam confirmados. Também é necessário analisar a relação entre o sono e o café em pessoas que não sejam estudantes.

A pesquisa foi publicada no periódico Sleep Medicine.

Fonte: My Health News 1 de março de 2012

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: