Publicidade

Notícias de saúde

Quimioterapia reduz mortes por câncer de mama

28 de dezembro de 2011 (Bibliomed).  Estudo realizado na Universidade de Oxford, no Reino Unido, reuniu dados de 123 testes clínicos e mais de cem mil mulheres e mostrou que o uso da quimioterapia nos últimos 40 anos reduziu em 33% a mortalidade por câncer de mama.

O estudo comparou técnicas de tratamento da doença utilizadas na década de 1980 com práticas atuais de quimioterapia. Os resultados mostraram que o tratamento quimioterápico faz efeitos em todos os tipos de mulheres com variadas formas da doença, mesmo naquelas com tumores grandes e nos casos em que os linfonodos na região dos seios também foram afetados por células cancerígenas.

O tamanho e a agressividade do tumor são indicativos da chance de recorrência da doença e ajudam os médicos a avaliar qual a probabilidade de cura dos remédios quimioterápicos. Os testes clínicos que foram avaliados pela equipe de Oxford não deram informações suficientes para medir a sensibilidade das pacientes à medicação.

O estudo mostrou que todos os regimes de quimioterapia apresentam fortes efeitos colaterais nas mulheres e, por isso, são utilizados apenas quando o médico acredita que o tumor pode voltar após a extração cirúrgica. Os cientistas do Reino Unidos afirmam que o uso de quimioterápicos deve ser evitado quando desnecessário, uma vez que nem todas as mulheres se beneficiarão desse a ainda sofrerão com efeitos colaterais.

Fonte: Prontuário de Notícias, 07 de dezembro de 2011

Copyright © 2011 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: