Publicidade

Notícias de saúde

Estudo associa baixos níveis de vitamina D à asma mais grave

04 de março de 2010 (Bibliomed). Muitas crianças com asma apresentam baixos níveis de vitamina D no organismo, segundo estudo apresentado esta semana no Encontro Anual da Academia Americana de Alergia Asma e Imunologia. De acordo com os autores, essas descobertas são preocupantes, visto que a deficiência do nutriente - produzido pelo organismo quando tomamos sol - pode aumentar os riscos de essas crianças desenvolverem doenças pulmonares mais graves.

Avaliando 99 crianças com asma, os pesquisadores notaram que 47% tinham níveis insuficientes de vitamina D. E essa deficiência foi associada a uma pior função pulmonar; a maiores níveis de imunoglobulina E (IgE) - proteína no sistema imunológico produzida em resposta a um alérgeno -; à maior propensão a precisar de medicação esteroide inalada ou oral, para reduzir inflamação nas vias aéreas e produção de muco; e a mais chances de precisar do uso de drogas beta-agonistas para relaxamento dos músculos pulmonares e redução dos sintomas de asma.

Segundo os autores, porém, os resultados não comprovam uma relação de causa e efeito, além de ainda não estar claro se os baixos níveis de vitamina D causam asma mais severa, que requer tratamento, ou se a asma mais grave causa a deficiência do nutriente. Outro aspecto que ainda necessita de mais estudos é se suplementos de vitamina D podem ser úteis para o controle da asma e para a redução do uso de medicação para tratamento desta doença.

"Atualmente, inúmeros estudos sugerem que baixos níveis de vitamina D estão associados com alergias e asma", disse o pesquisador e pediatra James Gern, membro da comissão científica do Congresso. "Se uma pessoa tem deficiência de vitamina D, precisamos corrigi-la de qualquer forma. Então, será interessante ver se os suplementos podem ajudar a melhorar os sintomas da asma", concluiu o especialista.

Fonte: American Academy of Allergy, Asthma & Immunology Annual Meeting 2010. Press release. 02 de março de 2010.

Copyright © 2010 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: