Publicidade

Notícias de saúde

Estudo indica que problemas físicos podem indicar precocemente a demência

22 de agosto de 2008 (Bibliomed). A perda de memória e a confusão mental frequentemente oferecem os primeiros indícios de demência. Porém, um recente estudo publicado no “Archives of Internal Medicine” sugere que problemas físicos podem oferecer, ainda mais cedo, pistas para descobrir a doença.

Avaliando mais de 2,2 mil pessoas com 65 anos ou mais de idade, os pesquisadores do Group Health Center for Health Studies, nos Estados Unidos, descobriram que problemas em caminhar e a falta de equilíbrio podem ser sinais precoces de demência.

Embora, segundo os especialistas, seja cedo para começar a usar esses parâmetros da função física para detectar a demência, os autores destacam que essa relação entre mudanças físicas e cognitivas deve ser estudada para a tentativa de um diagnóstico mais precoce. Atualmente a maioria dos casos são detectados já em estágios avançados.

“Ao ser capaz de detectar o fato de que eles estão a caminho da demência, eu acredito que seremos capazes, no futuro, de direcionar melhor as terapias que podem impedir o aparecimento (da demência) ou potencialmente preparar o terreno para as pessoas da família enfrentarem a doença”, disse o psiquiatra Constantine Lyketsos, da Universidade Johns Hopkins.

Os resultados do acompanhamento de seis anos mostraram que aqueles com melhor desempenho físico no início do estudo tinham três vezes menor risco de desenvolver a doença neurodegenerativa. E as pessoas que se exercitavam regularmente eram menos propensas a desenvolver demência, incluindo doença de Alzheimer.

"Portanto, se você pode melhorar a maneira dos nossos corpos trabalharem, que é o que faz a boa forma física, você vai proteger também o cérebro do declínio cognitivo", destacaram os autores.

Fonte: HealthDay. 15 de agosto de 2008.

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: