Publicidade

Notícias de saúde

Novo Caso de Ebola Deixa Uganda em Alerta

17 de Janeiro de 2001 (Bibliomed). Autoridades de Uganda disseram na terça-feira que estavam confiantes com o fim de uma epidemia de quase quatro meses do Ebola, apesar de terem constatado um novo caso esta semana em Gulu, norte do país.

"O novo caso pode causar um problema, um novo surto, então vamos cruzar os dedos", disse a jornalistas Sam Okware, comissário de serviços de saúde, em Campala. "Mas agora estamos no fim da epidemia."

Funcionários de saúde disseram que o caso mais recente foi o de uma mulher que já havia perdido sua filha e sua neta por causa da febre hemorrágica.

Depois que sua filha morreu, em dezembro, a avó ficou tomando conta da neta. "Quando a mãe estava doente, funcionários de saúde examinaram o bebê e ela não tinha o vírus, de forma que se sentiram seguros de enviá-la novamente para a sua vila", disse Alex Opio, comissário-assistente do Controle Nacional de Doenças.

Mas o bebê morreu em janeiro e provavelmente transmitiu a doença para sua avó, disseram autoridades.

Okware disse que o número de vidas arrebatadas pelo Ebola está em 173, a maioria em Gulu.

Depois do auge da epidemia, em outubro, o número de casos vem caindo. O governo, com a ajuda da Organização Mundial da Saúde (OMS) e outras entidades internacionais, lançou uma campanha educativa eficaz e agilizou o atendimento médico.

O Ebola, que surgiu pela primeira vez no Zaire em 1976, não tem cura conhecida. A maioria das vítimas morre no espaço de dias, com febre alta, dores no peito, vômitos e hemorragia generalizada.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: