Publicidade

Notícias de saúde

Detectadas Milhões de Diferenças em Código Genético Humano

WASHINGTON (Reuters) - A Celera Genomics Inc, empresa norte-americana que trabalha no sequenciamento dos genes do ser humano, afirmou na quarta-feira haver descoberto cerca de 2,8 milhões de pequenas mudanças no código genético que fazem uma pessoa diferente da outra.

Essas diferenças, conhecidas como polimorfismos nucleotídicos simples (SNPs), significam uma única mudança na sequência de 3 bilhões de "letras" que formam o código genético humano. Segundo o presidente da Celera, Craig Venter, a descoberta significa que sua empresa está à frente do projeto rival alimentado por fundos públicos que também busca desvendar o genoma humano.

"Há um número muito maior de SNPs do que consta nos registros disponíveis", afirmou Venter.

No início deste mês, o Projeto Genoma Humano, que conta com fundos públicos, e o consórcio SNP, do qual participam dez grandes empresas da indústria farmacêutica, anunciaram haver descoberto 800 mil SNPs (pronuncia-se "isnips")

Os cientistas esperam conseguir usar esses SNPs para determinar por que algumas pessoas são mais propensas a desenvolver certas doenças ou mostram-se alérgicas a certos medicamentos.

Venter, que deve anunciar a descoberta em uma entrevista coletiva a ser dada ainda na quarta-feira, afirmou que levará algum tempo até que se saiba o que significa cada um dos SNPs. Prevê-se que muitos deles não tenham função nenhuma.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: