Publicidade

Notícias de saúde

Milhões de pessoas no Reino Unido ignoram risco de doenças cardíacas

08 de setembro de 2008 (Bibliomed). Quase quatro milhões de pessoas no Reino Unido desconhecem que estão sob maior risco de doença cardíaca, segundo estudo da Universidade de Oxford. De acordo com os resultados, um em cada três casos de riscos mais graves permanece sem diagnóstico.

Avaliando mais de 71 mil pessoas com mais de 18 anos, os pesquisadores estimaram que cerca de 7,9 milhões de pessoas no Reino Unido foram diagnosticadas com doença cardiovascular ou estão em risco de desenvolver os sintomas. Porém mais de 2,8 milhões de homens e 900 mil mulheres com alto risco ainda permanecem sem diagnóstico.

“A dura realidade, mostrada neste relatório, é que as pessoas encaram a saúde como algo garantido, e não é prioridade checar se está tudo bem”, destacou a pesquisadora Barbara Harpham.

E o problema parece ainda mais grave em pessoas de meia idade. O estudo indicou que 75% dos homens e 45% das mulheres com mais de 50 anos já tinham doença cardiovascular ou diabetes, estavam tomando medicamentos para o colesterol ou a pressão, ou apresentavam alto risco de ter a doença.

Com isso, os especialistas alertam para a necessidade de políticas de curto prazo, como o maior acesso a estatinas (medicamentos para a redução do colesterol), e políticas mais efetivas de longo-prazo, incentivando mudanças nutricionais e no estilo de vida, para a redução da prevalência e das mortes por doenças cardiovasculares.

Fonte: BBC News. 03 de setembro de 2008.

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: