Publicidade

Notícias de saúde

Memória está ligada à criação de novos neurônios

27 de Novembro de 2003 (Bibliomed). Pela primeira vez se demonstrou efetivamente a existência de uma relação quantitativa entre disfunções da memória e defeitos de produção dos neurônios, as células do sistema nervoso central. Em estudo realizado em camundongos, investigadores franceses verificaram que, quanto maior for a produção de neurônios, melhores são as aptidões de um indivíduo para se orientar e para o aprendizado.

Segundo o novo estudo, publicado ontem na revista da Academia Americana das Ciências (Proceedings of the National Academy of Sciences), a alteração da capacidade do sistema nervoso de modificar e reorganizar a sua estrutura ao longo do tempo e das experiências vividas era já considerada há muito uma das causas possíveis do envelhecimento cerebral. Os pesquisadores verificaram que, segundo a capacidade de camundongos envelhecidos de fabricar novos neurônios, ocorria ou não uma boa capacidade de memorização do espaço e de um trajeto no interior de um labirinto.

Os cientistas concluíram que existem possíveis bases neuronais do envelhecimento, e que a criação de novos neurônios está implicada no processo da memória.

Copyright © 2003 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: