Publicidade

Notícias de saúde

Colchão é abrigo preferido dos ácaros

08 de Maio de 2003 (Bibliomed). Engana-se quem pensa que os tapetes e as cortinas são os grandes vilões quando o assunto é ácaro – ser microscópico relacionado à aproximadamente 80% das alergias respiratórias. O colchão é o local da casa onde existe a maior concentração de ácaros, em especial na parte que fica em contato com o estrado, onde a concentração é três vezes maior do que na parte de cima. A constatação faz parte de duas teses defendidas recentemente na Unicamp.

A bióloga Raquel Binotti e o médico Celso Henrique de Oliveira colheram amostras de poeira de 58 domicílios de Campinas para as suas teses de mestrado e doutorado, respectivamente. Eles verificaram a presença de ácaros em todas as residências – em uma delas, a concentração foi de 40 mil ácaros por grama de poeira. “A concentração de 100 ácaros por grama de poeira já é o bastante para provocar alergia, embora não gere crise”, explicou Oliveira. Nas amostras de poeira analisadas, os pesquisadores identificaram 18 tipos diferentes de ácaros. Os mais comuns foram o Dermatophagoides pteronyssinus, presente em 55% das casas, e o Blomia tropicalis, encontrado em 14%.

As alergias são causadas pelas fezes e as carcaças em decomposição desses animais. Quando ficam em suspensão, são aspiradas pelas pessoas e acabam irritando as mucosas do nariz e da garganta. Em contato com o pulmão, provocam a asma brônquica (bronquite).

Segundo os pesquisadores, é praticamente impossível eliminar os ácaros do ambiente doméstico porque ali eles encontram condições favoráveis para estabelecer seus ninhos e se multiplicar rapidamente – cada animal vive em média 100 dias e uma fêmea põe até 200 ovos. Porém, algumas medidas ajudam a reduzir a população dos ácaros, que adoram poeira, umidade e ambientes pouco iluminados.

É recomendável virar o colchão a cada 15 dias e envolvê-lo com uma capa emborrachada fechada por zíper; não usar tapetes; optar por persianas plásticas no lugar de cortinas; manter a casa sempre arejada e iluminada; deixar os alimentos bem fechados e evitar fazer refeições na cama ou no sofá.

Copyright © 2003 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: