Publicidade

Notícias de saúde

Alemanha Estuda Tirar Produtos de Carne de Vaca do Mercado

22 de Dezembro de 2000 (Bibliomed). O governo alemão estudava na quinta-feira adotar medidas para salvaguardar a confiança dos consumidores nas salsichas do país, confiança essa ameaçada por crescentes temores em relação à doença da vaca louca.

Em meio às compras de Natal, vendedores de carne afirmaram que os temores estavam elevando o preço das aves e outros tipos de carne e acabando com o estoque desses produtos.

O Ministério da Saúde da Alemanha advertiu o público na quarta-feira para que não fossem ingeridos alguns tipos de salsichas feitas com ossos e outras partes da vaca consideradas potenciais transmissores da doença para seres humanos.

Uma porta-voz do órgão afirmou que consultas estavam sendo feitas com o Ministério da Justiça a fim de se saber se medidas poderiam ser tomadas para obrigar lojas e supermercados a tirar esses produtos de suas prateleiras.

"Estamos estudando as bases legais para impor um decreto retirando do mercado esses produtos", afirmou a porta-voz. Tal medida não precisaria da aprovação do Parlamento e poderia entrar em vigor dentro de alguns dias.

O governo alemão foi acusado de não ter reagido com a seriedade devida à ameaça da doença da vaca louca, ou encefalopatia espongiforme bovina (BSE). O primeiro caso da doença no país foi confirmado em novembro.

Autoridades afirmaram na quinta-feira que dois novos casos de BSE haviam sido identificados, elevando o total de animais contaminados para cinco desde que se iniciaram testes em todo o território alemão, há algumas semanas.

A vizinha Áustria afirmou que havia proibido a importação de produtos derivados do gado alemão a fim de minimizar o risco da doença atravessar as suas fronteiras.

A maior parte das salsichas alemãs são feitas de carne de porco, mas muitas das variedades mais baratas contêm carne de vaca.

Copyright © 2000 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: