Publicidade

Notícias de saúde

Ocorrência de autismo parece ter estabilizado em crianças e adolescentes nos EUA

16 de fevereiro de 2018 (Bibliomed). A prevalência do transtorno do espectro do autismo (TEA) entre crianças e adolescentes dos EUA foi de 2,41% em 2014 até 2016, de acordo com uma carta de pesquisa publicada no Journal of the American Medical Association.

Investigadores da Faculdade de Saúde Pública da Universidade de Iowa estimaram a prevalência atual de TEA entre crianças e adolescentes dos EUA em 2014 até 2016 usando dados do National Health Interview Survey. Foram incluídos dados para 30.502 crianças e adolescentes dos EUA.

Os pesquisadores descobriram que 711 das crianças e adolescentes tinham sido diagnosticados com TEA, correspondendo a uma prevalência ponderada de 2,41%. A prevalência foi de 3,54 e 1,22% em meninos e meninas, respectivamente, e 1,78, 2,71 e 2,36% em crianças e adolescentes negros, não hispânicos, brancos e não hispânicos, respectivamente. A prevalência foi de 2,24, 2,41 e 2,58% em 2014, 2015 e 2016, respectivamente.

Alterações nos fatores não-etiológicos (como critérios de diagnóstico, conscientização pública e encaminhamento), bem como em fatores etiológicos (incluindo fatores de risco genéticos e ambientais), foram levantados para explicar as estabilização na prevalência do TEA.

Fonte: JAMA. 2018;319(1):81-82.

Copyright © 2018 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: