As pessoas falam menos sobre memórias à medida que envelhecem

Comment

Saúde do idoso

Quanto mais as pessoas envelhecem, menor a probabilidade de compartilhar memórias. E quando os idosos relembram, não oferecem tantos detalhes quanto os adultos mais jovens. É o que sugere estudo da Universidade do Arizona, nos Estados Unidos.

Durante quatro dias, os pesquisadores usaram um aplicativo para smartphone para gravar bits aleatórios de conversas, enquanto 102 adultos mentalmente saudáveis, com idades entre 65 e 90 anos, seguiam sua rotina normal. Trigésimos segundos trechos foram registrados a cada seis a 18 minutos. Os participantes não sabiam quando estavam sendo gravados.

As gravações foram analisadas para determinar com que frequência os participantes compartilharam histórias sobre suas experiências de vida. Os resultados mostraram que os adultos mais velhos compartilhavam menos memórias quando comparados ao mais jovens. Além disso, o nível de detalhe também diminuiu com a idade, à medida que as pessoas descreviam essas memórias.

Pesquisas de laboratório anteriores também descobriram que o compartilhamento de memória diminui com a idade. De acordo com os autores, é importante que as pessoas se lembrem e compartilhem memórias, porque elas podem ajudá-las a encontrar significado, conectar-se com outras pessoas e orientar o planejamento e a tomada de decisões.

Não está claro por que as pessoas mais velhas compartilham menos memórias, mas pode ser devido a mudanças no cérebro relacionadas à idade. Os pesquisadores explicam que há várias regiões do cérebro que parecem desempenhar um papel importante na frequência com que a pessoa pensa no passado ou no futuro, e essas áreas do cérebro tendem a mostrar mudanças com a idade avançada, e a ideia é que, devido a essas mudanças, os adultos mais velhos possam refletir menos sobre seu passado e futuro pessoal quando estão conversando com outras pessoas.

Fonte: Frontiers in Human Neuroscience. DOI: 10.3389/fnhum.2020.00238.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *