Publicidade

Notícias de saúde

Vinho de amora pode ajudar no controle do diabetes

27 de agosto de 2012 (Bibliomed).  Será que os vinhos exóticos, aqueles feitos de outras frutas que não a uva, têm os mesmos benefícios do vinho tinto? Pensando nisso, pesquisadores da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, decidiram estudar vinhos feitos de mirtilo e amora.

Avaliando os componentes bioativos desses vinhos, os cientistas descobriram que eles contem compostos que inibem a ação de enzimas responsáveis pela absorção de carboidratos. Dessa forma, esses vinhos podem ajudar no controle do diabetes, proporcionando aos diabéticos uma alternativa saborosa para diminuir os índices de açúcar no sangue.

Os efeitos das duas enzimas presentes no vinho que controlam o carboidrato (alfa-milase e alfa-glucosidase) foram comparados com o acarbose, um medicamento utilizado no controle do diabetes. Os resultados mostraram que, quando comparadas ao medicamento, a enzima alfa-amilase foi inibida em 91,8%, enquanto a alfa-glucosidase chegou a 103,2%, mais do que o dobro do medicamento.

O efeito de degradar enzimas foi observado nos vinhos em temperatura ambiente e gelado (4ºC). A partir dessas descobertas, os pesquisadores querem desenvolver uma bebida fermentada a base de frutas, sem álcool, que otimize a inibição das enzimas alfa-amilase e alfa-glucosidase, e também aproveite outros componentes bioativos saudáveis do vinho.

Além disso, outros compostos bioativos saudáveis foram encontrados nos vinhos de mirtilo e de amora, como antioxidantes, polifenois e antocianina, que possui efeito anti-inflamatório.

Fonte: Diário da Saúde, 23 de agosto de 2012

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: