Publicidade

Notícias de saúde

Cura para infertilidade masculina pode estar próxima, diz estudo

29 de maio de 2012 (Bibliomed). Uma nova pesquisa desenvolvida na Escócia levou pesquisadores a acreditarem que uma cura para homens que não conseguem gerar filhos pode estar próxima, e com ela o surgimento de um contraceptivo masculino.

Pesquisadores da Universidade de Edimburgo afirmam que genes responsáveis pela geração dos espermas são importantes para a compreensão da infertilidade masculina, além de terem o potencial de serem úteis no desenvolvimento de um método de contracepção para homens.

Cerca de 25% dos casos de homens que não conseguem gerar filhos não podem ser explicados, assim, que a medicina compreenda mais sobre os fatores que levam a esse problema é essencial para sua resolução.

“A identificação de mutações genéticas associadas à infertilidade que afetam as células suporte (e não o esperma em si) poderia levar (um tratamento de) terapia genética personalizada para a infertilidade masculina dentro de 10 anos”, explica o pesquisador Lee Smith.

“A ironia é que o fato de esses homens não terem filhos faz com que a análise padrão do pedigree familiar seja um desafio, e assim tem sido historicamente extremamente difícil de identificar as causas genéticas para casos específicos de infertilidade masculina”, completa Smith.

As descobertas também podem fazer com que estudiosos consigam desenvolver um contraceptivo não hormonal para homens entre os cinco e dez próximos anos.

A pesquisa foi publicada no periódico American Journal of Human Genetics.

Fonte: Live Science, 24 de maio de 2012

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: