Publicidade

Notícias de saúde

Abuso infantil pode afetar o cérebro

15 de fevereiro de 2012 (Bibliomed). Um novo estudo mostra que maus tratos e abuso infantil podem causar o encolhimento de áreas importantes do cérebro.

Pesquisadores da Universidade Harvard (EUA) usaram ressonâncias magnéticas para analisar os cérebros de 193 pessoas entre 18 e 25 anos de idade, comparando o tamanho do hipocampo com o histórico do indivíduo. Aqueles que haviam sido maltratados enquanto crianças tinham certas áreas do hipocampo 6% menores quando comparadas a pessoas que não tinham vivenciado o mesmo problema. Experimentos feitos com animais mostram que altos níveis de estresse impedem o crescimento de neurônios no hipocampo, causando a diminuição no tamanho da estrutura.

Outra área que havia sofrido reduções nos cérebros dos participantes é o subículo, que é conhecido como o centro de recompensa do cérebro. Reduções nessa área estão associadas ao abuso de drogas e à esquizofrenia.

A descoberta pode explicar a razão pela qual crianças que sofreram abusos frequentemente desenvolvem distúrbios psiquiátricos como a depressão, o vício em drogas e doenças mentais semelhantes. Compreender o mecanismo através do qual essas condições se desenvolvem podem ajudar profissionais da área a encontrarem melhores formas de tratarem as vítimas.

“Esses resultados podem dar uma explicação do porquê de o abuso infantil ter sido identificado com um aumento de risco de uso de drogas ou psicose” explica o pes quisador Martin Teicher. “Agora que podemos ver essas sub-regiões (do cérebro), nós podemos ter uma idéia melhor de quais tratamentos estão ajudando”, completa.

O estudo foi publicado no periódico Proceedings of the National Academies of Sciences.

Fonte: Live Science 13 de fevereiro de 2012

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: