Publicidade

Notícias de saúde

O consumo de queijo não parece aumentar a concentração do colesterol

12 de janeiro de 2012 (Bibliomed). Apesar de seu alto teor de gorduras saturadas, o queijo não parece aumentar a concentração do colesterol total e do LDL colesterol (o colesterol ruim), quando comparado com uma ingestão equivalente de gordura de manteiga. Este efeito pode ser devido ao elevado teor de cálcio do queijo, o que resulta em uma maior excreção de gordura nas fezes.

Pesquisadores da Universidade de Copenhagen compararam os efeitos das dietas com teor de gordura igual, ricas em qualquer queijo duro ou manteiga, ou uma dieta habitual, sobre a pressão arterial e as gorduras do sangue, proteína C-reativa, glicose e insulina. Os autores também examinaram se a gordura nas fezes varia com o consumo de queijo ou manteiga. O estudo incluiu 49 homens e mulheres que substituíram parte de sua ingestão dietética habitual de gordura por queijo ou manteiga. Após 6 semanas, a intervenção de queijo resultou em menor colesterol total, LDL, HDL e maiores concentrações de glicose do que a intervenção de manteiga. A gordura nas fezes não diferiu entre os grupos queijo e manteiga.

Os autores concluíram que o queijo reduz o colesterol total e LDL, quando comparado com o consumo de manteiga com igual teor de gordura e nãoaumenta o colesterol LDL em comparação com uma dieta habitual.

Fonte: The American Journal of Clinical Nutrition, Volume 94, Number 6, 2011, Pages 1479-1484

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: