Publicidade

Notícias de saúde

Nova alternativa aos antibióticos

09 de junho de 2011 (Bibliomed). Os antibióticos vêm perdendo a capacidade de exterminar bactérias, o que dificulta o tratamento de várias doenças infecciosas. Isso acontece porque as bactérias estão desenvolvendo resistência aos medicamentos, e uma das possíveis causas disso é o uso indiscriminado dos mesmos. Depois de muita pesquisa, cientistas alemães anunciaram a descoberta de um equivalente terapêutico que pode vir a substituir a penicilina e assemelhados.

Realizado no Instituto Fraunhofer de Terapia Celular e Imunologia, o estudo descobriu nos peptídeos (proteínas) uma alternativa aos antibióticos usados atualmente em todo o mundo. Segundo os cientistas, os peptídeos antimicrobianos poderão ser utilizados como tratamento principal em doenças causadas por bactérias e infecções.

"Nós já identificamos 20 dessas curtas cadeias de aminoácidos que matam inúmeros micróbios, incluindo os enterococos, leveduras e bolores, assim como as bactérias patogênicas humanas, como a Streptococcus mutans, que é encontrada na boca humana e provoca a cárie dentária", diz o Dr. Andreas Schubert, coordenador da pesquisa. "Mesmo a multi-resistente bactéria hospitalar Staphylococcus aureus não está imune aos peptídeos e, em nossos testes, o seu crescimento foi consideravelmente inibido", completa.

Segundo o cientista, os peptídeos antibióticos liberam seu efeito microbicida em poucos minutos, além de trabalhar com uma concentração muito inferior à dos antibióticos convencionais (1mM contra 10mM, respectivamente). "O espectro de eficácia dos peptídeos testados inclui não somente as bactérias e fungos, mas também os vírus lipídicos. Outro fator importante é que os peptídeos identificados em nossos testes não danificam as células saudáveis do corpo," explica Schubert.

Fonte: Diário da Saúde, 08 de junho de 2011

Copyright © 2011 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: