Publicidade

Notícias de saúde

Xixi na cama tem tratamento

04 de maio de 2011 (Bibliomed). O nome científico é enurese, e quase todos já tiveram esse problema. Popularmente conhecido como “fazer xixi na cama”, a perda involuntária de urina durante o sono atinge especialmente  as crianças. Atualmente, de 15% a 20% da população brasileira sofrem com o problema.

O tratamento para a enurese inclui desde medicamentos até alarmes. Quando a perda involuntária de urina acontece apenas durante o sono, os alarmes são o método mais indicado. Colocados dentro da roupa íntima da criança, ele soa assim que recebe a primeira gota do xixi, o que faz com que ela desperte para ir ao banheiro.

Contudo, algumas pessoas perdem urina involuntariamente ao longo do dia. Esses casos são considerados mais graves e o tratamento inclui o uso de medicamentos.

Flávio Trigo, médico do Núcleo Avançado de Urologia do Hospital Sirio Libanês e  do Hospital Infantil Menino Jesus, explica que a falta do hormônio antidiurético que inibe a produção de urina durante a noite pode fazer com que a criança desenvolva a doença, mas lembra que em farmácias existem medicamentos que desempenham a função desse hormônio.

Entre as causas do xixi na cama estão problemas hereditários, hormonais, psicológicos, alterações anatômicas, neurólogicas,  e até problemas infecciosos. "Se um dos pais teve esse problema, a criança tem chance de desenvolver.  Porém, se ambos tiveram enurese na infância, as chances de o filho desenvolver são de 75%", diz a pediatra Denise Nunes.

Crianças com enurese não devem ser punidas, pois isso pode piorar o estado psicológico dela, o que, por sua vez, pode aumentar a freqüência da perda de urina. “Broncas e palmadas só a deixarão mais ansiosa e infeliz com uma situação que ela não tem controle. É necessário procurar um urologista . Só esse especialista pode pedir os exames necessários para detectar algum problema clínico que pode estar causando as molhadas", aconselha Denise.

Fonte: Prontuário de Notícias, 30 de abril de 2011

Copyright © 2011 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: