Publicidade

Notícias de saúde

Chá verde pode ajudar a prevenir a depressão, sugere estudo

21 de dezembro de 2009 (Bibliomed). Idosos que bebem muitas xícaras de chá verde por dia podem ter menor risco de apresentar sintomas depressão, segundo estudo japonês publicado este mês no American Journal of Clinical Nutrition. Em pesquisa com mais de mil idosos relativamente saudáveis, os pesquisadores descobriram que homens e mulheres com mais de 70 anos que tomam quatro ou mais xícaras de chá verde diariamente seriam 44% menos propensos a ter sintomas de depressão, comparados àqueles que bebem uma xícara ou menos por dia.

Entre os participantes, 34% dos homens e 39% das mulheres relataram sintomas de depressão, sendo que estes sintomas eram severos em 20% dos homens e em 24% das mulheres. E, de forma geral, 488 participantes disseram tomar quatro ou mais xícaras de chá verde por dia, 284 tomavam de duas a três, e os outros 286 relataram tomar uma ou menos xícaras diariamente.

Segundo os pesquisadores, a aparente proteção da bebida contra a depressão permanecia após considerarem status social e econômico, gênero, dieta, histórico de problemas médicos, uso de antidepressivos ou outros medicamentos, tabagismo e atividades físicas. Mas o efeito não seria o mesmo com o consumo de outros chás ou café.

Os especialistas sugerem o aminoácido teanina, presente no chá verde, que parece ter um efeito tranquilizador sobre o cérebro, pode explicar os efeitos potencialmente benéficos mostrados no estudo. Porém mais estudos são necessários para confirmar se tomar mais chá verde pode ter efeitos antidepressivos, quais os componentes responsáveis pela proteção, e qual a "dose" necessária. Antes disso, os especialistas ainda não recomendam o consumo da bebida para a prevenção da depressão.

Fonte: American Journal of Clinical Nutrition. Dezembro de 2009.

Copyright © 2009 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: