Publicidade

Notícias de saúde

Estudo sugere que 86% dos americanos poderão estar acima do peso em 2030

31 de julho de 2008 (Bibliomed). Aproximadamente 86% dos adultos americanos estarão acima do peso no ano de 2030, e os gastos de saúde relacionados podem chegar a quase US$ 957 bilhões, segundo levantamento publicado na edição de julho da revista especializada "Obesity".

De acordo com pesquisadores da Escola de Saúde Pública Johns Hopkins Bloomberg, nos Estados Unidos, a prevalência de sobrepeso e obesidade tem aumentado muito nas últimas três décadas. E, se a tendência não se modificar, as taxas podem se tornar preocupantes até 2030, com 96% das mulheres negras e 91% dos homens "mexicanos-americanos" afetados.

As projeções tiveram por base dados colhidos nas três décadas anteriores por pesquisas nacionalmente representativas, e ilustram o "peso" da epidemia de obesidade se a tendência continuar. Ela indica, por exemplo, que a tendência é que "com o tempo, americanos pesados se tornam mais pesados".

"É esperado que os custos dos serviços de saúde atribuídos à obesidade e ao sobrepeso mais do que dobrem a cada década. Isso contaria por 15% a 17% do total dos gastos com saúde", disse o pesquisador Youfa Wang, líder do estudo, destacando, ainda, que esses valores podem estar subestimados.

Os especialistas alertam que a obesidade de tornou uma crise de saúde pública nos Estados Unidos, e que é associada ao risco de inúmeros problemas de saúde, incluindo hipertensão, diabetes tipo 2, doença cardíaca e derrame. Para piorar, eles estimam que, se não houver intervenções efetivas contra essa epidemia, crianças e jovens podem ter uma expectativa de vida menor do que a de seus pais.

Fonte: Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health. Public Health News Center. 28 de julho de 2008.

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: