Publicidade

Notícias de saúde

Não converse com estranhos, nem pela Internet!

27 de fevereiro de 2007 (Bibliomed). A Internet é atualmente uma ferramenta tecnológica bastante útil, uma vez que permite a conexão em tempo real, com praticamente qualquer parte do mundo. Além disso, toda a gama de serviços e informações fornecidos na rede mundial de computadores, facilita a vida daqueles que têm acesso a esta ferramenta tecnológica.

Porém, a Internet também permite a interação com pessoas desconhecidas, as quais nem sempre possuem boas intenções e mentem, a fim de obter benefícios à custa dos usuários. Diversos programas de segurança reiteram a necessidade de se ter extremo cuidado, ao compartilhar informações pessoais com desconhecidos pela Internet, porém esta atitude nem sempre é seguida pelos jovens.

Com o objetivo de avaliar as repercussões advindas do compartilhamento de informações pela Internet ,com indivíduos estranhos, um grupo de pesquisadores escreveu um estudo na revista Archives of Pediatrics & Adolescent Medicine em Fevereiro de 2007. No estudo foram incluídos 1500 adolescentes, com idades entre 10 e 17 anos, os quais afirmaram terem acessado a Internet pelo menos uma vez nos últimos seis meses.

Os resultados encontrados demonstraram que houve vitimização dos adolescentes, que compartilharam informações com estranhos, principalmente na forma de comentários agressivos e obscenos. Assim, confirma-se a importância de não dialogar com estranhos pela Internet, bem como de não fornecer qualquer informação pessoal, que possa permitir posteriores ameaças e extorsões.

Fonte: Arch Pediatr Adolesc Med. 2007; 161 (2): 138 – 145 (February).

Copyright © 2007 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: