Publicidade

Notícias de saúde

Anestésicos devem ser usados na circuncisão de bebês

07 de agosto de 2006 (Bibliomed). A circuncisão em bebês é um procedimento secular, ligado originalmente a práticas religiosas. No passado, entretanto, não havia muita preocupação com o tratamento da dor que os bebês sentiam no momento do procedimento.

Mas atualmente estas práticas têm sido cercadas de mais cuidados, para proteger os bebês do sofrimento: mais de 9 em cada 10 médicos, que aprendem as técnicas de circuncisão, agora levam a dor em consideração, antes de operar um bebê.

Segundo os pesquisadores, o debate sobre a presença ou não de dor, durante o procedimento, encerrou-se em 1999. À partir desta data, a maioria das associações médicas, incluindo a Academia Americana de Pediatria, passou a recomendar o uso de anestésicos, para o alivio da dor durante a circuncisão de bebês, usando anestesia local tópica ou infiltrativa.

No estudo, publicado na revista Ambulatory Pediatrics, foi feita uma pesquisa com mais de 800 profissionais americanos. Atualmente, 97% dos programas de residência ensinam o tratamento da dor em bebês, nos procedimentos de circuncisão. É um crescimento expressivo, se comparado com o período entre 1995 e 1996 quando apenas 71% deles usavam técnicas anestésicas.

Fonte: Ambulatory Pediatrics, July-August 2006; vol 6: pp 210-214.

Copyright © 2006 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: