Publicidade

Notícias de saúde

Pacientes mais jovens e com menos sintomas têm melhor prognóstico na substituição da valva mitral

19 de outubro de 2004 (Bibliomed). Pesquisadores suecos estudaram a sobrevida após substituição da valva mitral e o impacto da idade e sintomas pré-operatórios na mesma. Foram incluídos 784 pacientes no estudo, entre os anos 1980 e 2000.

A sobrevida dos pacientes foi comparada com a de indivíduos com idade e sexo semelhantes na mesma época do estudo. A mortalidade precoce foi 9.7%. A sobrevida dos controles aos 5, 10 e 15 anos foi 83%, 70% e 54%, respectivamente. Nos pacientes essas taxas foram  75%, 56% e 36%.

A idade avançada e a classe funcional segundo a New York Heart Association foram fatores associados à morte mais precoce. O estudo demonstrou que os pacientes mais jovens e com menos sintomas apresentam prognóstico melhor nas cirurgias de substituição da valva mitral.

A pesquisa foi publicada na revista Annals of Thoracic Surgery.

Fonte: Annals of Thoracic Surgery Volume 78, Issue 4, Pages  1.241-7, 2004

Copyright © 2004 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: