Publicidade

Notícias de saúde

Relatório mostra grandes diferenças entre sexos em relação ao comportamento de saúde dos jovens

14 de Junho de 2004 (Bibliomed).  Fortes diferenças entre os sexos foram encontradas em relação ao comportamento de saúde de jovens em idade escolar na Europa e América do Norte em um das maiores pesquisas levadas a cabo sobre a saúde de pessoas jovens.

O estudo, custeado pela Organização Mundial de Saúde, baseou-se em entrevistas com 162.000 jovens, com idades de 11, 13, e 15 anos em 35 países. A pesquisa verificou que as meninas se preocupam mais com o tamanho de seus corpos; os meninos, contudo, tem uma maior probabilidade de apresentarem excesso de peso.

Os meninos bebem mais de maneira regular, apresentam uma maior probabilidade de usar maconha, e menor probabilidade de comer frutas.

Em relação ao uso do tabaco, os meninos com 11 anos de idade têm uma maior probabilidade do que as meninas de terem fumado alguma vez; mas isto muda em torno da idade de 15 anos: em mais da metade dos países analisados, mais meninas de 15 anos informaram terem fumado alguma vez, particularmente na Europa ocidental.

A pesquisa encontrou padrões comuns em todos os países mas também descobriu enormes diferenças. Alguns dos principais achados foram em relação à prática de esportes: só 35% dos meninos com 15 anos e 22% das meninas participam de atividades físicas nos níveis recomendados. As proporções mais altas destas atividades estão nos Estados Unidos, Canadá, República Tcheca, e Inglaterra.

Fonte: Young People's Health in Context: Health Behaviour in School-aged Children, em www.euro.who.int

Copyright © 2004 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: