Publicidade

Notícias de saúde

Estudo Aponta Eficácia de Droga para Tratar Diarréia

Por Gene Emery

BOSTON (Reuters) - A droga racecadotril, quando ministrada com líquidos, é mais efetiva que a aplicação apenas dos fluidos para tratar diarréia nas crianças. A conclusão do estudo realizado no Hospital Nacional Cayetano Heredia, em Lima, foi publicada na terça-feira no New England Journal of Medicine.

A droga, vendida sob o nome comercial Tiorfan, é da Bioprojet Pharma, de Paris, que financiou o estudo. Conforme a empresa SmithKline Beecham, que comercializa a droga, a diarréia é uma inconveniência incômoda para pessoas do mundo desenvolvido, mas pode ser uma aflição mortal nos países em desenvolvimento, onde mata cerca de 2 milhões de pessoas por ano, a maioria delas crianças.

A equipe de quatro pessoas liderada por Eduardo Salazar-Lindo observou 135 meninos peruanos em testes realizados entre 1994 e 1998. O objetivo era verificar se as drogas são um tratamento efetivo nos países em desenvolvimento, onde as crianças são algumas vezes desnutridas.

Cinco dias depois de ter começado o tratamento, a equipe peruana verificou que 84 por cento do grupo que recebeu racecadotril ficou curado, em relação aos 66 por cento do grupo tratado apenas com líquido, como soro. Vinte e quatro por cento do grupo que recebeu a droga mostrou melhora em 24 horas, contra 8 por cento dos que receberam apenas fluidos.

"Quando usado como um suplemento para reidratação oral, racecadrotil pode reduzir tanto a severidade e a duração da diarréia quanto o tempo de internação no hospital", disseram os pesquisadores.

Embora apenas garotos tenham sido incluídos no estudo, os pesquisadores afirmam que não existe razão para esperar respostas diferentes em meninas. As meninas foram excluídas porque o estudo demandou testes bacteriológicos de fezes, e os pesquisadores quiseram "evitar contaminação da evacuação com urina".

Um estudo anterior realizado na França verificou que a droga pode ser eficiente nas crianças entre 3 meses e 4 anos de idade, disse Salazar-Lindo à Reuters.

A droga, também conhecida como acetorphan, ainda não foi aprovada para uso nos Estados Unidos. As formas adulta e pediátrica foram aprovadas na França. Conforme Salazar, no Peru, foi aprovada para adultos mas não para crianças. De qualquer forma, a SmithKline Beecham diz que começou a vender a droga sob o nome comercial Hidrasec, na Sudeste da Ásia, África e América Latina.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: