Publicidade

Notícias de saúde

Diabetes pode atingir mais de 300 milhões de pessoas até 2025

27 de Agosto de 2003 (Bibliomed). O diabetes é uma doença crônica, que ocorre pelo aumento dos níveis de açúcar no sangue provocados pela falta ou deficiência de insulina. Em condições normais, a insulina, hormônio produzido pelo pâncreas, retira o açúcar do sangue e deposita-o dentro das células para ser utilizado como energia. A longo prazo, altos níveis de açúcar no sangue podem levar a complicações médicas como doenças cardíacas, insuficiência renal, cegueira e até morte.

Mais de 300 milhões de pessoas em tudo o mundo estão sob o risco de desenvolver diabetes, e o impacto econômico da doença em alguns países pode ser pior do que o causado pela epidemia da AIDS, informou um novo relatório apresentado esta semana na conferência da Federação Internacional do Diabetes em Paris. Os especialistas calculam que os gastos anuais com a doença em todo mundo, no atendimento de pacientes entre os 20 e os 79 anos é de cerca de $153 bilhões de dólares.

De acordo com o relatório apresentado na Conferência, os gastos diretos mundiais com a doença atingirão um valor entre $213 e $396 bilhões de dólares em 2025, caso as predições estejam corretas e o número das pessoas com diabetes suba dos 194 milhões atuais para 333 milhões previstos.

Espera-se que mais de 75 por cento dos casos de diabetes estejam em países em desenvolvimento em 2025, devido ao crescimento econômico, mudanças sociais, e também urbanização crescente.

No Brasil, estatísticas do Ministério da Saúde indicam que, na atualidade, existem cinco milhões de diabéticos. O diabetes é a sexta causa de mortes no Brasil, provocando 25.000 número de ocorrências de mortes por ano no país.

Copyright © 2003 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: