Publicidade

Notícias de saúde

Queima de incenso libera elementos cancerígenos

Belo Horizonte, 10 de Agosto de 2001 (Bibliomed). A fumaça que é originada com a queima de incenso pode ser cancerígena. A afirmação é de um estudo publicado na última edição da revista New Scientist.

Segundo os pesquisadores, um componente químico que causa o câncer de pulmão foi identificado em grandes concentrações em um templo budista mal ventilado em Taiwan. O nível do elemento cancerígeno era 40 vezes mais alto do que o encontrado em locais com a presença da fumaça de cigarros comuns.

O pesquisador Ta Chang Lin, da Universidade Nacional Cheng Kung foi surpreendido com a descoberta. “Esperava que o incenso desse apenas conforto espiritual às pessoas”, afirmou. No entanto, o estudo demonstrou a existência de riscos, com extensão ainda não avaliada.

A equipe de Taiwan recolheu amostras do ar no interior e no exterior do templo. As amostras também foram recolhidas nas imediações de um cruzamento rodoviário.

O resultado revelou a presença, no templo, de níveis elevados de hidrocarbonetos aromáticos policíclicos (PAH), elementos que compõem um grupo de agentes químicos cancerígenos liberados na atmosfera com a queima de determinadas substâncias.

A concentração desses elementos estava mais forte do que a existente na amostra de ar recolhida no cruzamento. Além dos hidrocarbonetos, o interior do templo abrigava o benzopirene, outro composto que provoca câncer em fumantes.

Nos dias de celebrações especiais, a poluição do ar não é o único problema. A fumaça em excesso também prejudica a visibilidade dos freqüentadores. Segundo a Campanha de Pesquisa do Câncer, na Grã-Bretanha, a associação do câncer com os hidrocarbonetos já era conhecida. O desenvolvimento da doença, no entanto, depende da concentração da substância e do tempo de exposição a ela.

O incenso é muito usado nos cultos de hindus, umbandistas, budistas e cristãos. Os pesquisadores se preocupam não apenas com o risco a que estão expostos os fiéis, sobretudo nos dias em que a queima de incenso é maior, como também com as pessoas responsáveis pela limpeza dos templos.

Copyright © 2001 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: