Publicidade

Notícias de saúde

Uso de Anestesia Local em Cirurgias Pode Evitar Mortes

LONDRES (Reuters) - O uso de anestesia local, em vez de geral, em pacientes submetidos a cirurgias pode reduzir complicações e mortes no pós-operatório em aproximadamente 30 por cento, disseram pesquisadores da Nova Zelândia na sexta-feira.

A anestesia local ou regional, em que o paciente fica consciente e apenas uma parte do corpo adormece, é geralmente usada em cirurgias mais simples. A maioria dos pacientes submetidos a operações mais sérias recebe anestesia geral e fica desacordado.

Mas uma análise de quatro anos de 140 estudos internacionais mostrou que se detectou menos coágulos, infecções, enfartes e insuficiência renal em pacientes que receberam anestesia local.

"Cruzando resultados de estudos, pode-se ver claramente os benefícios da anestesia local. Além disso, a anestesia local reduziu o risco de morte por complicações pós-operatórias em 30 por cento", disse o médico Anthony Rodgers, da Universidade de Auckland.

A pesquisa, publicada no British Medical Journal, também mostrou uma redução de 25 por cento a 30 por cento nos casos de coágulos sanguíneos nas pernas e pulmão, algo que pode ocorrer após a operação e pode de ser fatal.

"Os benefícios mostraram-se mais evidentes do que se pensava anteriormente. Os pacientes não precisam ficar acordados durante a cirurgia, uma vez que um sedativo leve ... pode ser usado além da anestesia local", disse o professor Stephan Schug, co-autor do estudo.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: