Publicidade

Notícias de saúde

Tailândia Desafia Tabu com Aulas de Educação Sexual

Por Orathai Sriring

BANCOC (Reuters) - Os estudantes tailandeses terão em breve um novo assunto obrigatório na escola: o velho tabu dos temas sexuais. A iniciativa tem como objetivo ajudar o país conservador a enfrentar a Aids e o aumento das gestações indesejadas.

O crescimento do número de gestações indesejadas e de casos de HIV/Aids está preocupando as autoridades em um país que, ao contrário de sua fama de exótico, é profundamente conservador e onde assuntos ligados a sexo não são discutidos abertamente.

Alguns culpam o crescimento da popularidade da Internet. "A globalização e a exposição ao ciberespaço têm atingido nossa sociedade, mas os jovens não têm qualquer conhecimento sobre sexo e podem ser facilmente desencaminhado", disse o professor Nikorn Dusitsin, consultor do Instituto de Pesquisa em Saúde da Universidade de Chulalongkorn, em Bancoc.

Nikorn vai coordenar uma equipe de pesquisa que deve servir de esboço para um programa de educação sexual para as escolas locais.

Um projeto piloto será incluído no currículo das escolas de ensino médio no próximo ano e um modelo para crianças menores será desenvolvido mais tarde, informou o professor.

O Ministério da Educação da Tailândia informou que os cursos de educação sexual poderiam ser compulsórios nas escolas em 2002.

"A tendência de gestações indesejadas está aumentando em função da lacuna na educação sexual", disse Khemika Yamarat, um conselheiro do Instituto.

O Ministério da Educação informou que os professores poderiam ministrar cursos de "Vida e Família" que poderiam incluir homossexualismo, sexo seguro, uso de contraceptivos como preservativos, aborto e relações pessoais.

"A modernização e o avanço tecnológico estão ficando fora de controle. Precisamos proteger nossas crianças dando a informação correta", disse o porta-voz do ministério Prapatpong Senarith.

Conforme a divisão de Aids do Ministério de Saúde Pública, o número de tailandeses com HIV/Aids aumentou de 720 mil para 984 mil entre 1999 e 2000, sendo que cerca de 100 mil devem ter entre 15 e 24 anos de idade.

Um pesquisa social e populacional feita pela Universidade Mahidol de Bancoc mostrou que a Tailândia tem uma média anual de 300 mil casos de gravidez indesejada.

"HIV/Aids e os problemas sociais como sexo antes do casamento e gravidez indesejada estão aumentando, principalmente entre adolescentes. Isto é motivo de preocupação", disse Prapatpong.

Conforme a equipe de Nikorn, existem poucos centros na Tailândia que trabalham seriamente com problemas relacionados ao sexo.

Os pesquisadores verificaram que pais e os filhos ou professores e estudantes não são propensos a falar abertamente sobre sexo ou relações, pois pensam que isto poderia implicar em algum tipo de fracasso ou ser considerado vergonhoso.

FALAR COM OS PAIS É ÚLTIMA ALTERNATIVA

Cinco estudantes universitários entrevistados pela Reuters não quiseram se identificar, mas disseram que quando têm qualquer dúvida ou problema sobre sexo geralmente pedem conselhos a amigos ou procuram revistas pornográficas e websites.

"Falar com pais ou professores é a última alternativa", disse um dos estudantes.

A empresa fabricante dos preservativos Durex desenvolveu seu primeiro site de aconselhamento sobre sexo dirigido aos adolescentes tailandesese.

"Queremos fornecer educação sexual ao jovens. Fazer o assunto um pouco mais divertido, mais educativo e um pouco menos constrangedor", disse Jon Gray, diretor na Tailândia da empresa SSL, fabricante do Durex.

O site usa um 'teste do amor', um jogo sobre amor e um horóscopo do amor para ajudar a passar mensagens sobre sexo seguro. O site pode ser visitado pelo http://www.durex.com e http://www.simplemag.com

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: