Publicidade

Notícias de saúde

Mal de Alzheimer: Descoberta Científica

Estudos genéticos sobre o Mal de Alzheimer (demência precoce) apresenta novas conclusões sobre essa doença, que costuma ser de instalação insidiosa, tornando-se freqüentemente evidente a partir de um mínimo de stress. O diagnóstico definitivo depende de aprofundada investigação neurológica, mas costuma se identificada em exames clínicos.

Novo conhecimento

O pesquisador M. de Leon e equipe de apoio fizeram um estudo durante três anos em exames de ressonância magnética do cérebro de três grupos de pacientes.

Os pacientes do grupo A eram oito pessoas que começaram o estudo mentalmente normais e terminaram normais; já os pacientes do grupo B, um conjunto de seis pessoas, que eram normais, mas tiveram uma ligeira dificuldade cognitiva em lembrar datas e pessoas, depois dos três anos; e o grupo C com seis pessoas que apresentavam ligeira dificuldade cognitiva passou a ter Alzheimer.

Os autores conseguiram determinar as alterações morfológicas no córtex e no hipocampo do cérebro, que podem reconhecer quais as pessoas que irão evoluir para lesões típicas do Alzheimer.

Custo do atendimento

O custo de um paciente com Alzheimer (demência precoce), na Inglaterra, é de 3000 a 6000 dólares por mês. Naquele país há o costume de prestar atendimento em lares. O custo desse serviço de enfermagem consome dois terços e os medicamentos e honorários médicos menos de um terço. O Serviço Nacional de Saúde inglês que corresponde ao nosso SUS, afirma que não tem recursos para pagar, declarando que isso seria um encargo de famílias.

Copyright © 2000 eHealth Latin America

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: