Coreia do Sul consegue extrair emissões de carbono dos gases de escapamento

Comment

Tecnologia

Pesquisadores do Korea Advanced Institute of Science and Technology (KAIST) desenvolveram um dispositivo para converter dióxido de carbono em materiais sólidos, que poderiam ser usados para fabricar cimento ou outros materiais. O dióxido de carbono nas emissões é um dos principais contribuintes para os gases de efeito estufa.

Os pesquisadores explicam que a tecnologia pode extrair dióxido de carbono das emissões industriais e converter o gás que aquece o clima em carbonato de cálcio, que então pode ser adaptado para diferentes usos.

A tecnologia consiste em uma membrana ultrapermeável sintetizada com os polímeros de microporosidade intrínseca [PIM-1] que tem o potencial de utilizar diretamente [dióxido de carbono] da chaminé [exaustão] de gases por meio de uma reação de carbonatação sólida contínua.

Vinte vezes menor que os dispositivos convencionais, o módulo de fibra oca permite apenas que o dióxido de carbono atravesse a membrana. Uma vez do outro lado, o dióxido de carbono reage com íons de metais alcalinos para formar carbonatos de cálcio.

Fonte: Korea Advanced Institute of Science and Technology.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *