Publicidade

Notícias de saúde

Mulheres acima do peso têm mais chances de ter recorrência de câncer de mama

26 de março de 2012 (Bibliomed). As mulheres que estão obesas ou acima do peso, quando diagnosticadas com câncer de mama, correm maior risco de recorrência da doença e de morte relacionada ao tratamento do que as mulheres magras.

As conclusões são de um estudo apresentado na 8ª Conferência Europeia de Câncer de Mama que envolveu dados de 1909 pacientes inscritas em um estudo chamado CALGB 9741, que foi desenvolvido entre 1997 e 1999.

A pesquisa mostrou que mesmo os médicos adequando a quimioterapia ao peso corporal os riscos continuaram. Com isso, os pesquisadores dizem que ficam mais claras as evidências de que o estilo de vida pode influenciar o prognóstico do câncer.

O estudo foi desenvolvido para investigar esquemas de administração diferentes para a quimioterapia adjuvante em pacientes cujas células cancerosas foram encontradas nos linfonodos (gânglios positivos de câncer). A presença dessas células significa uma maior probabilidade de o câncer voltar após a cirurgia.

Extraídos dados de peso e altura dos prontuários, os pesquisadores passaram a avaliar a relação entre o índice de massa corporal (IMC) com a sobrevida de recidiva (RFS) e sobrevida global (OS), os resultados mostraram que 1,2% das pacientes apresentaram baixo peso, 32,6% peso normal, 32,9% sobrepeso e 33,3% obesas. 49% das pacientes estavam na menopausa, 65% tinham câncer de receptor de estrogênio positivo (a presença de estrogênio estimula o tumor a crescer), e 70% receberam o tratamento com bloqueio de receptor de estrógeno (tamoxifeno).

Fonte: EurekAlert!, 23 de março de 2012

Copyright © 2012 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: