Publicidade

Notícias de saúde

ANVISA proíbe mamadeiras com Bisfenol

30 de setembro de 2011 (Bibliomed). A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) decidiu pela proibição da venda de mamadeiras ou outros produtos para lactantes que contenha Bisfenol-A (BPA) a partir de 1º de janeiro de 2012.

A substância é um composto utilizado na fabricação do policarbonato, um tipo de plástico rígido e transparente. Apesar de o plástico ser considerado estável, foi provado cientificamente que as ligações químicas do BPA são instáveis e podem se desprender do plástico contaminando os alimento e produtos embalados com materiais que contenham BPA.

De acordo com a Anvisa, a decisão foi baseada nos estudos que indicam que as propriedades do Bisfenol-A que podem causar câncer, problemas cardíacos e hormonais, além de poder ser transmitido de mãe para filho durante a gestação e amamentação.

Quando ocorre o rompimento das ligações e a contaminação do alimento, o BPA pode agir sobre alguns hormônios presentes no corpo humano, comprometendo a saúde. Entre os problemas que podem ser causados pela contaminação pelo BPA estão obesidade, problemas cardíacos, diabetes, câncer na próstata e mama, puberdade precoce e tardia, abortos, anormalidades no fígado em adultos, problemas cerebrais e no desenvolvimento hormonal em crianças e recém-nascidos, além de problemas sexuais em homens, como a diminuição da qualidade e da quantidade de esperma.

Veja algumas dicas para evitar contaminação por Bisfenol-A:

• Usar mamadeiras e utensílios de vidro ou que não contenham BPA para os bebês
• Nunca congelar ou esquentar alimentos no microondas em recipientes de plástico (a liberação do Bisfenol-A é maior com aquecimento e resfriamento)
• Sempre que possível utilizar utensílios de vidro, porcelana e aço inoxidável na hora de armazenar bebidas e alimentos.
• Descartar utensílios de plástico lascados ou arranhados.
• Caso utilize embalagens plásticas para acondicionar alimentos ou bebidas, evite aquelas que tenham os símbolos de reciclagem com números 3 e 7 no seu interior e na parte posterior da embalagem. Eles indicam se a embalagem contém, ou pode conter, BPA na sua composição.

Fonte: Press-release Press Comunicação Corporativa, 28 de setembro de 2011

Copyright © 2011 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: