Publicidade

Notícias de saúde

Vacinação pode ajudar na prevenção de câncer infantil

04 de fevereiro de 2011 (Bibliomed). Estudo publicado no The Journal of Pediatrics mostra que a vacinação infantil pode ser útil na prevenção de alguns tipos de câncer, em especial um tipo de Leucemia. Realizado na Faculdade de Medicina Baylor, em Houston, nos Estados Unidos, a pesquisa mostra que crianças que receberam determinadas vacinas podem ter menos probabilidades de desenvolver cânceres.

Os resultados da pesquisa mostraram que nos municípios onde a maioria das crianças haviam sido vacinadas contra Hepatite B, houve 20% menos casos de câncer infantil. Já nas localidades onde além dessa vacina são utilizadas outras, em especial a da poliomielite, as chances de uma crianças desenvolver leucemia linfoblástica aguda foi de 30% a 40% menor.

“Isso não quer dizer que a criança vacinada não vá desenvolver a doença”, esclarece o Dr. Michael Scheurer, um dos autores do estudo. Teorias anteriores mostram que algumas infecções podem tornar a criança mais suscetível ao desenvolvimento de tumores, em especial a leucemia, devido aos efeitos que provocam no desenvolvimento do sistema imunológico.

Realizado no Texas, o estudo analisou dados sobre desenvolvimento de câncer infantil no estado entre os anos de 1998 e 2006, e perceberam menor índice da doença nas localidades com maior taxa de vacinação. Segundo o Dr. Scheurer, a maior descoberta do estudo foi a diminuição do risco de leucemia em áreas com alta taxa de vacinação para hepatite B e poliomielite. “Agora as pessoas vão começar a perceber s reais benefícios da vacina, não apenas para as doenças infecciosas a que eram destinadas a evitar, mas também a esse novo benefício”, diz o Dr. Scheurer

Fonte: The Journal of Pediatrics, Janeiro de 2011

Copyright © 2011 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: