Publicidade

Notícias de saúde

Indústria do Tabaco Usa Aditivos Para Mascarar Cheiro

NOVA YORK (Reuters Health) - Os fabricantes de cigarro têm ido além dos limites para mascarar o cheiro acre da fumaça ao adicionar aditivos químicos a seus produtos, conforme uma revisão de documentos da indústria do tabaco.

"Esses documentos sugerem que a prática é parte de uma campanha global para conter o declínio na aceitabilidade social do cigarro", relataram os pesquisadores do Departamento de Saúde Pública de Massachusetts, na edição de setembro da publicação Tobacco Control.

Depois de pesquisar alguns milhões de páginas de documentos que se tornaram disponíveis como parte do acordo do tabaco, os pesquisadores verificaram que a indústria do tabaco usou aditivos e outras tecnologias para alterar a visibilidade, o odor e as qualidades irritantes da fumaça.

Conforme a equipe de Gergory N. Connoly, os fabricantes fizeram isso sem necessariamente alterar os níveis gerais de fumaça ou substâncias químicas que compõe a fumaça e fizeram poucos testes para verificar se os aditivos mudaram a sua toxidade.

Em particular, os fabricantes tentaram remediar com alguns dos aspectos mais cosméticos da fumaça do cigarro, como reduzir o cheiro dos pontas do cigarro. Os pesquisadores verificaram que muitas campanhas tinham como objetivo tornar os cigarros mais aceitáveis para mulheres jovens tentando limitar o odor residual que pode ficar nos cabelos e roupas.

Conforme os pesquisadores, a campanha da R. J. Reynolds foi chamada de Projeto TF (TF para tomorrows female -- a mulher do futuro) foi dirigida para mulheres fumantes entre 18 e 34 anos de idade que "querem um fumo limpo e fresco".

Conforme os autores, "ao reduzir os sinais de alerta normais de exposição às toxinas do cigarro", o uso de aditivos químicos nos cigarros pode aumentar o dano potencial do fumante e dos que respiram a fumaça, como fumantes passivos.

Por exemplo, mulheres fumantes com crianças pequenas "podem aumentar o risco de seus filhos desenvolverem doenças respiratórias pelo do aumento da exposição à fumaça do tabaco no ambiente se elas próprias não se incomodam com a fumaça", escreveram os participantes do estudo.

Os pesquisadores estão pedindo que a indústria de tabaco disponibilize a lista de ingredientes, incluindo os aditivos químicos num esforço para "proteger o público dos perigos do fumo e da exposição à fumaça".

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: