Publicidade

Notícias de saúde

Homens casados são menos agressivos e antissociais, aponta estudo

08 de dezembro de 2010 (Bibliomed). Há tempos, diversos especialistas vêm debatendo as possíveis razões para o fato de os homens casados serem menos agressivos que os solteiros. Agora, um estudo publicado na edição de dezembro da revista Archives of General Psychiatry pode ajudar a explicar essa tendência, sugerindo que seria uma via de mão dupla: tanto os homens menos antissociais são mais propensos a casar, quanto o casamento pode inibir comportamentos antissociais.

“Nossos resultados indicam que a taxa reduzida de comportamento antissocial em homens casados é mais complicada do que era pensado anteriormente”, destacou a pesquisadora Alexandra Burt, da Universidade do Estado de Michigan, nos EUA. “O casamento geralmente é bom para o homem, pelo menos em termos de reduzir o comportamento antissocial, mas os dados também indicam que não é aleatória a entrada em um estado de casamento”.

Avaliando dados de 289 pares de gêmeos do sexo masculino - examinados quando tinham 17, 20, 24 e 29 anos de idade -, os pesquisadores descobriram que os homens com menores níveis de comportamento antissocial aos 17 e 20 anos eram mais propensos a estarem casados aos 29 anos. A diferença para outros estudos é que esse considerou o casamento como um “processo de seleção”, e não o casamento como uma obrigação, como era antigamente.

E os resultados indicaram também que, após o casamento, as taxas de comportamento antissocial declinam ainda mais. Ao comparar dois gêmeos idênticos, os especialistas notaram que o irmão que havia casado, geralmente, apresentava menores níveis de agressividade e comportamento antissocial do que aquele que permanecia solteiro.

De acordo com os autores, é improvável que o casamento iniba o comportamento antissocial do homem diretamente, mas, na verdade, é possível que o casamento seja um marcador de outros fatores, como vínculo social ou menos tempo com colegas delinquentes. Outro fator que parece ser importante é a qualidade da relação com o parceiro, pois o efeito da união no comportamento social pareceu ser maior entre os “bem casados”.

Fonte: Archives of General Psychiatry. Dezembro de 2010.

Copyright © 2010 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: