Publicidade

Notícias de saúde

Chimarrão pode ajudar a reduzir o colesterol ruim, aponta pesquisa

10 de agosto de 2010 (Bibliomed). Há mais razões para se apreciar a bebida típica dos gaúchos, além do fato de manter as tradições do Rio Grande do Sul: o chimarrão pode reduzir os níveis de colesterol ruim (LDL), segundo estudo do Instituto de Cardiologia do RS. Apresentada neste mês no Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado (Socergs), a pesquisa indica que, sorvida com frequência, a bebida é mais eficaz na redução do colesterol do que o chá verde.

Avaliando 210 pacientes com dislipidemia - problemas com o colesterol ou triglicérides - e com sobrepeso, e idades entre 35 e 60 anos, os pesquisadores constataram que aqueles que tomaram um litro de mate diariamente por oito semanas tiveram o colesterol LDL reduzido em 4,2%, em média. Por outro lado, quem bebeu chá verde ou chá de maçã não apresentou redução no índice. Além disso, os participantes que consumiram chimarrão perderam, em média, meio quilo no período. “A ingestão de chimarrão melhora o perfil lipídico e reduz o peso corporal de indivíduos com dislipidemia não tratada e excesso de peso”, destacou a nutricionista Bruna Pontin, autora do estudo.

Segundo a cardiologista Vera Portal, que também participou do estudo, a pesquisa revela que, com a redução do colesterol, também se reduzem os riscos de doenças cardiovasculares, mas o chimarrão não deve ser visto como um remédio. "Uma pessoa que toma chimarrão por hábito pode estar incrementando um valor a mais de redução de risco de doenças, assim como faz quando tem uma alimentação adequada ou pratica exercícios" esclarece. Ela destaca que a redução média de colesterol com exercícios e alimentação adequada é de 9%, e esse índice pode chegar a 30% com medicação.

Entretanto o cardiologista Ricardo Almeida, do Instituto do Coração da Serra Gaúcha, ressalta a necessidade de mais pesquisas para confirmação dos resultados. "O número de pessoas avaliadas ainda é pequeno para se ter um embasamento mais sério, e os níveis de redução são baixos, iguais ou superáveis com exercícios físicos e alimentação adequada, mas sabe-se que o chimarrão tem substâncias com efeito brando sobre o colesterol".

Fonte: Congresso da Sociedade de Cardiologia do Estado do Rio Grande do Sul. 06 de agosto de 2010. Tema Livre 20154.

Copyright © 2010 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: