Publicidade

Notícias de saúde

Carnes tostadas ou mal passadas podem trazer prejuízos para a saúde, alertam especialistas

23 de julho de 2010 (Bibliomed). Fonte de proteínas, ferro, vitamina B12 e outros nutrientes, a carne vermelha pode se tornar vilã para a saúde dependendo do modo de preparo. "A carne bem passada aumenta a chance de exposição a substâncias cancerígenas, enquanto a mal passada pode expor a doenças como parasitoses", explica o nutrólogo Fernando Chueire, diretor da Associação Brasileira de Nutrologia.

Nem bem, nem mal passada, a carne “ao ponto” figura como uma opção saudável para quem não abre mão do alimento na dieta. De acordo com o especialista, a ingestão de carne bem preparada, em quantidades moderadas, evitando temperaturas extremas e utilizando cortes que não contenham gorduras é opção importante e saudável para a nossa alimentação. "O consumo de carnes 'ao ponto' não oferece riscos e pode contribuir para uma excelente fonte de proteína de alto valor biológico e de ferro", revela.

Quem gosta do filé bem passado deve redobrar a atenção. De acordo com o médico nutrólogo Osman Gioia, a carne torna-se perigosa para a saúde ao passar tempo excessivo em fogo alto, revelando crosta escura na superfície. "Há risco de câncer quando a carne é tostada e parte carbonizada", afirma. Ele explica que este modo de preparo produz substâncias da classe dos hidrocarbonetos aromáticos policíclicos, tais como o 3-4 benzopireno - considerado um dos mais potentes agentes cancerígenos.

Por outro lado, a carne bem assada, frita ou grelhada não traz nenhum risco de contaminação por infestações parasitárias. Segundo os especialistas, as chances de se contrair infecções bacterianas são menores com o consumo do alimento bem passado quando comparado ao preparo “ao ponto”.

Os especialistas concordam que a ingestão de carne vermelha está liberada quando se respeitam cuidados e limites na alimentação. A recomendação é feita de acordo com as necessidades de cada um, considerando idade, sexo, atividade esportiva, valor energético total, estado nutricional, entre outros fatores.

Fonte: Barcelona Soluções Corporativas/ABRAN. Press release. 22 de julho de 2010.

Copyright © 2010 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: