Publicidade

Notícias de saúde

Cerca de 72% dos brasileiros tiveram dor de cabeça no último ano, aponta pesquisa

28 de outubro de 2009 (Bibliomed). Aproximadamente 72% dos brasileiros tiveram dor de cabeça no último ano – a maioria mulheres –, segundo estudo publicado na revista científica internacional Headache Journal. Desenvolvida pela Universidade Federal de São Paulo, a pesquisa avaliou, proporcionalmente a cada estado, mais de 3,8 mil pessoas com idades entre 18 e 79 anos. E indicou uma grande prevalência de enxaqueca na população brasileira, principalmente na região Sudeste (20,5%), seguida do Sul (16,4%) e do Nordeste (13,6%). A cefaleia tensional também foi mais prevalente nas regiões Sul e Sudeste, ambos com 14%.

De acordo com o autor do estudo, o médico Luiz Paulo de Queiroz, há evidências que, quanto mais desenvolvida for a região e mais agitada for a vida da população com diversas atividades, maiores são as chances de apresentar enxaqueca e cefaleia tensional. "Os fatores socioeconômicos e genéticos também influenciam a enxaqueca", destaca o pesquisador.

Outro aspecto interessante da pesquisa se relaciona à cefaleia crônica diária. As regiões Sul e Sudeste são os menores do ranking com 6,2%. Nordeste, Norte e Centro-Oeste aparecem com 7,7%, 10,2% e 11,8%, respectivamente. Segundo os autores, a explicação é que as regiões com atendimento médico mais precário podem apresentar um índice mais alto. "Os pacientes que cuidam bem de sua cefaleia episódica têm menos chances de desenvolver cefaleia crônica", explica o especialista.

As análises indicaram também que a prática de atividades físicas pode ser uma boa forma de prevenção às dores de cabeça. Os resultados do levantamento mostraram que as pessoas sedentárias têm duas vezes mais chances de ter cefaleia crônica diária do que aqueles que se exercitam regularmente, além de 43% maior probabilidade de apresentar casos de enxaqueca. "A enxaqueca foi mais prevalente em indivíduos do sexo feminino, com alta escolaridade, com baixa renda familiar e que não fazem exercícios físicos regularmente", concluíram os autores.

Fonte: Trixe Comunicação Empresarial. Press release. 26 de outubro de 2009.

Copyright © 2009 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: