Publicidade

Notícias de saúde

Consumo de álcool em excesso prejudica fertilidade feminina

28 de agosto de 2008 (Bibliomed). O consumo de bebidas alcoólicas em excesso na adolescência e no início da idade adulta pode causar problemas de fertilidade nas mulheres, segundo estudo da Universidade de Washington, nos Estados Unidos. E o efeito é ainda pior entre aquelas que apresentam dependência, que está associada a problemas menstruais, disfunções sexuais e complicações na gravidez.

Avaliando dados de dois grupos de gêmeos australianos – um nascido no período entre 1893 e 1964 (3634 mulheres e 1880 homens); e outro, entre 1964 e 1971 (3381 mulheres e 2,748 homens) – os pesquisadores descobriram que as alcoólatras tinham um atraso na reprodução. E não houve efeito significativo entre os homens.

“Jovens mulheres que bebem álcool podem querer considerar as conseqüências de longo-prazo para a fertilidade tardia”, destacou a pesquisadora Mary Waldron. “Se continuar bebendo, ou aumentar para níveis de problemas de uso, sua capacidade e/ou oportunidade de ter filhos pode ser prejudicada”, acrescentou.

Os autores destacam que as descobertas são um alerta para as mulheres que já apresentam distúrbios reprodutivos, pois o uso de álcool poderia agravar o problema, além do risco de abuso e dependência.

Fonte: Alcoholism: Clinical & Experimental Research. 20 de agosto de 2008.

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: