Publicidade

Notícias de saúde

Bebês amamentados têm menos infecções gastrointestinais, diz estudo

23 de julho de 2008 (Bibliomed). Bebês que são predominantemente amamentados nos primeiros seis meses de vida são menos propensos a ter problemas gastrointestinais, segundo estudo publicado na edição de agosto do "The Journal of Nutrition". Porém, a pesquisa indicou também que esses bebês têm mais chances de ter deficiência de ferro, estando sob maior risco de anemia.

A pesquisa avaliou 154 mães e seus bebês no México – 50 bebês foram alimentados com uma fórmula láctea até os seis meses, 55 foram parcialmente alimentados no peito, e 49 foram predominantemente amamentados. As mães tiveram que relatar os episódios de infecções gastrointestinais, e amostras de sangue dos bebês foram analisadas para checar a quantidade de ferro.

E os resultados mostraram que apenas 18% dos bebês predominantemente amamentados tiveram infecções gastrointestinais, comparados com 33% daqueles parcialmente amamentados ou que tomaram apenas a fórmula. Mas esses bebês amamentados também tinham menor nível de ferro no sangue – 22 % deles tinham deficiência do nutriente, contra apenas 4% dos outros.

De acordo com os autores, já se sabe que a concentração de ferro no leite materno é pequena. E, se os níveis de ferro são baixos na mulher, como em 28% das mexicanas, o problema piora, aumentando os riscos de anemia no bebê alimentado exclusivamente com o leite materno.

Apesar desse risco de deficiência de ferro, os autores destacam que a amamentação continua sendo a melhor forma de alimentar os bebês, pois esse problema pode ser facilmente resolvido com suplementos, enquanto as infecções gastrointestinais podem ser sérias e até levar à morte.

De acordo com especialistas, os resultados são mais aplicáveis para países em desenvolvimento, e não a países como os Estados Unidos, onde a deficiência de ferro é pouco comum. E, baseados em outros estudos, eles recomendam um atraso, que pode ser de apenas dois minutos, no corte do cordão umbilical, que melhoram os níveis de ferro dos bebês, alem de ter outros benefícios.

Fonte: HealthDay. 18 de julho de 2008.

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: