Publicidade

Notícias de saúde

Vitamina A pode ajudar no combate à mortalidade infantil, diz estudo

16 de julho de 2008 (Bibliomed). Uma simples dose de vitamina A no nascimento poderia fazer a diferença, reduzindo a mortalidade infantil, segundo estudo da Escola de Saúde Pública Johns Hopkins Bloomberg, nos Estados Unidos.

De acordo com os autores, já se sabia que o nutriente poderia reduzir a mortalidade em crianças maiores de seis meses, por isso são recomendadas 200.000 UI (unidades internacionais) semi-anualmente dos seis meses aos cinco anos de idade. E a nova pesquisa, publicada na revista "Pediatrics", indicou que a vitamina A pode ser benéfica também logo após o nascimento.

"Porque a mortalidade infantil é maior durante os primeiros meses de vida, uma simples dose de vitamina A administrada pela boca na criança recém-nascida pode salvar vidas de um adicional de 300 mil crianças na Ásia todos os anos", explicou o especialista Alfred Sommer, um dos autores do estudo.

Na pesquisa, quase 16 mil recém-nascidos de comunidades rurais de Bangladesh, onde mais de 90% dos bebês nascem em casa, foram divididos em dois grupos – metade dos recém-nascidos recebeu oralmente 50.000 UI da vitamina, enquanto a outra metade tomou placebo.

E as análises mostraram que a taxa de mortalidade foi consideravelmente menor entre os bebês que receberam o nutriente – 38,5 mortes para cada mil nascimentos, comparado com 45,1 mortes para cada mil nascimentos entre os bebês que não tomaram vitamina A.

Fonte: Pediatrics. Julho de 2008.

Copyright © 2008 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: