Publicidade

Notícias de saúde

União Européia Nega Legalização do Ecstasy na Holanda

BRUXELAS (Reuters) - Um "erro de impressão" que deixou uma brecha na versão em holandês da lei da União Européia contra drogas pesadas não significa que é legal produzir ecstasy na Holanda, afirmou a Comissão Européia na segunda-feira.

Em uma resposta por escrito a um questionamento do membro holandês da Parlamento Europeu, Jan-Kees Wiebenga, a Comissão disse que a substância química, conhecida como PMK, é proibida desde 1992. Ela negou que o erro de impressão queira dizer que o ecstasy é efetivamente legal desde que o erro foi cometido em 1993.

A Comissão afirmou, entretanto, que irá imprimir uma correção.

O erro produziu uma situação embaraçosa, uma vez que a Holanda é responsável por grande parte da produção de ecstasy na Europa.

De acordo com um relatório da Organização Alfandegária Mundial (World Customs Organization), cerca de quatro milhões de pílulas de ecstasy foram apreendidas na Europa em 1999, mais do dobro de 1998. Segundo a organização, metade dos carregamentos apreendidos em todo o mundo tinha como origem a Holanda.

Sinopse preparada por Reuters Health

Copyright © 2000 Reuters Limited. All rights reserved. Republication or redistribution of Reuters Limited content, including by framing or similar means, is expressly prohibited without the prior written consent of Reuters Limited. Reuters Limited shall not be liable for any errors or delays in the content, or for any actions taken in reliance thereon.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: