Publicidade

Notícias de saúde

Excesso de hormônio tireoidiano na gestante aumenta risco de abortamento

17 de agosto de 2004 (Bibliomed).  Doenças da tireóide na gestante geralmente acarretam sérias conseqüências para o feto, alterando radicalmente o curso normal da gravidez.

Estudo publicado na edição da semana passada da revista JAMA - Journal of the American Medical Association, buscou avaliar os efeitos no feto da exposição ao hormônio tireoidiano materno, que, em alguns casos, pode se apresentar em quantidade excessiva..

Uma análise retrospectiva de dados da gestação de 167 grávidas do arquipélago de Açores, portadoras de uma condição familial chamada de resistência ao hormônio tireoidiano, demonstrou que o excesso deste hormônio exerce efeito tóxico direto sobre o desenvolvimento do feto, acarretando maiores riscos de abortamento e baixo peso ao nascimento.

Fonte: JAMA. 2004; 292:691-695

Copyright © 2004 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: