Publicidade

Notícias de saúde

Medicamento usado para epilepsia pode melhorar a aparência das cicatrizes

19 de Fevereiro de 2004 (Bibliomed). Um medicamento usado para tratar a epilepsia pode ter um efeito colateral inesperado, podendo ser útil para melhorar a aparência das cicatrizes, segundo um novo estudo. A nova pesquisa, publicada no Dermatology Online Journal indica que o medicamento Topamax, atualmente aprovado pelo FDA para uso como medicação anticonvulsivante em pessoas portadoras de epilepsia, ajudou a diminuir o descoloramento e a melhorar a aparência cosmética de cicatrizes.

Na pesquisa realizada, foram avaliadas cicatrizes que haviam surgido há pelo menos dois anos, em dez pacientes adultos. Estes receberam uma dose do Topamax correspondente a cerca de um quinto da dose utilizada para tratar as convulsões. Após três meses de tratamento, a aparência das cicatrizes havia melhorado em todos pacientes, sendo que em seis deles a melhora foi considerada como muito expressiva ou expressiva; em quatro dos pacientes ocorreu também melhora da aparência, porém esta foi considerada como sendo mínima. Os efeitos colaterais do tratamento foram bastante leves e bem tolerados.

Os pesquisadores envolvidos no estudo dizem que serão necessárias novas investigações para confirmar estes achados; se isto de fato ocorrer, o Topamax pode se tornar o primeiro medicamento a ser utilizado para tratar as cicatrizes.

Fonte: Dermatology Online Journal, Feb. 13, 2004, vol 9.

Veja mais:

O Que é o Quelóide: Prevenção e Tratamento
Cirurgia Plástica: A estética toma conta do país

Copyright © 2004 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: