Publicidade

Notícias de saúde

Para cuidar de idoso é preciso preparo e dom

09 de Dezembro de 2002 (Bibliomed). Para lidar com o idoso é preciso ter o mínimo de preparo e dom. Gostar de idosos e ter paciência para lidar com eles é fundamental. Já a capacitação pode ser alcançada em cursos para cuidadores de idosos, que ensinam auxiliares de enfermagem – ou mesmo pessoas da família que querem saber mais como cuidar dos avós ou dos pais – como dar medicação e ajudar na higiene pessoal, além de cuidados com a alimentação. “O idoso precisa de muito carinho e atenção. Ele gosta de ser ouvido e de conversar. É um trabalho muito delicado e a família precisa de uma pessoa de confiança, competente e carinhosa”, ressaltou a psicóloga Rosilene Regina Maia, que ministra um curso para cuidadores de idosos em Belo Horizonte.

A psicóloga aponta algumas precauções que devem ser tomadas ao se contratar uma pessoa para cuidar de um idoso. O cuidador deve ter disponibilidade para se dedicar ao idoso; deve demonstrar interesse pelo idoso, por conhecer seu jeito, suas vontades e preferências; deve ter o mínimo de noções de higiene e alimentação saudável; deve ter cuidados com o próprio corpo, como manter cabelos presos, unhas cortadas e usar roupas brancas. As habilidades ele pode ir até aprendendo, mas carinho, dedicação e paciência devem ser componentes da personalidade do cuidador.

A família precisa investigar a vida profissional do candidato a cuidador, pedindo no mínimo três referências; deve aparecer em casa em horários alternados para observar o que está sendo feito e como está a relação entre eles; deve observar o comportamento do cuidador. É comum o idoso reclamar no início, mas é preciso checar se essa reclamação tem fundamento ou se é resistência em ter alguém cuidando dele.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: