Publicidade

Notícias de saúde

Impacto da AIDS devasta a África

27 de Novembro de 2002 (Bibliomed). Mais de 5 milhões de pessoas em todo o mundo terão contraído o vírus de AIDS ao fim de 2002; o número total de pacientes infectados terá atingido a 42 milhões de pessoas, 2 milhões acima de um ano atrás. Aproximadamente 70 por cento dos casos estão na África sub-saariana, de acordo com um relatório das Nações Unidas e da Organização Mundial de Saúde acerca da epidemia global; existem países nesta região onde 30% da população está infectada pelo vírus HIV. Isto se contrasta com os números da América do Norte, onde menos de 1 por cento da população adulta é soropositiva.

Estima-se que 3,1 milhões de pessoas irão morrer este ano vítimas do HIV/AIDS em todo o mundo, segundo o relatório, e destes, 610.000 tem menos do que 15 anos de idade.

Na África, ao contrário do resto do mundo, a maioria dos adultos HIV-positivos - 58 por cento - são mulheres que adquiriram o vírus por sexo com homens infectados. Em contraste, na América do Norte, aproximadamente 80 por cento dos adultos HIV-positivos ainda são do sexo masculino.

Ainda segundo o relatório, apesar das iniciativas de países ocidentais, laboratórios e da capacidade de países africanos em aumentar a disponibilidade de agentes retrovirais, apenas uma "pequena parte" dos infectados com o HIV estão recebendo medicamentos.

Fonte: ONU/OMS http://www.who.int/mediacentre/releases/pr90/en/

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: