Publicidade

Notícias de saúde

Tuberculose mata 16 brasileiros por dia

22 de Novembro de 2002 (Bibliomed). Estima-se que 50 milhões de brasileiros estejam infectados com o bacilo causador da tuberculose e que 130 mil adoeçam a cada ano. Apesar de ter cura, a tuberculose ainda mata 6 mil brasileiros por ano, o que corresponde a 16 mortes por dia. Para tentar reduzir esse mal, o Ministério da Saúde está incentivando os municípios a aderirem ao Programa de Tratamento Supervisionado.

A proposta é que se reduza o abandono do tratamento, aumente a taxa de cura, diminua a mortalidade e, ainda, reduza os casos multirresistentes, cujo tratamento é mais caro, longo e sofrido. Para se ter uma idéia, o tratamento ambulatorial dura seis meses e custa cerca de US$ 70. Quando o bacilo é multirresistente, são em média 18 meses de tratamento, totalizando US$ 9 mil.

Através do programa, os agentes de saúde aprenderão a identificar as pessoas com maior risco de abandono do tratamento e serão instruídos a acompanhar esses pacientes de perto. Para cada alta por cura, o município receberá R$ 200; para cada caso notificado, R$ 50; e para cada tratamento auto-administrado, R$ 50. Segundo o Ministério da Saúde, a implantação do programa em todo o país aumentará o índice de casos notificados de 70% para 90%, diminuindo o abandono do tratamento de 12% para 5% e aumentando o índice de cura de 75% para 85%.

A tuberculose é transmitida pelo bacilo de Koch, através dos aerossóis eliminados no ar pela tosse, espirro, fala ou respiração de pessoa portadora da forma pulmonar da doença, que tenha o exame de escarro positivo. Os sintomas mais comuns são tosse com expectoração por mais de três semanas, falta de apetite, emagrecimento, dor no peito, febre baixa, cansaço e fadiga. O tratamento com drogas tem mais de 95% de eficácia, quando não é interrompido. Os medicamentos são fornecidos gratuitamente pelo SUS.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: