Publicidade

Notícias de saúde

Novo produto ensina a identificar nódulos na mama

10 de Setembro de 2002 (Bibliomed). Quanto mais precocemente diagnosticado e tratado, maiores as chances de cura do câncer de mama, segunda causa de morte entre as mulheres no Brasil. Com base nisso, o mastologista e cirurgião plástico Thadeu Provenza, presidente da Associação de Prevenção do Câncer da Mulher (Asprecam), organização não-governamental fundada em 1984 em Belo Horizonte, Minas Gerais, idealizou a "Mamamiga", uma mama de silicone onde as mulheres podem aprender a fazer corretamente o auto-exame. O produto também pode ser utilizado por homens e mulheres, profissionais da saúde ou não, que desejam multiplicar as ações preventivas.

Inédito no Brasil e no mundo, o produto tem cobertura de silicone e enchimento de espuma, reproduzindo com grande semelhança a textura da pele e a consistência da mama humana. Em cada quadrante aparece um tipo de situação - área sem alterações, área com pequenos grãos, área com nódulos móveis e com nódulos fixos. Ao tocá-lo, as mulheres aprendem a conhecer as principais alterações que podem aparecer em seus seios.

A "Mamamiga' está sendo produzida e comercializada pela SCJ Indústria e Comércio, de Belo Horizonte. A unidade custa R$ 45 e pode ser adquirida através do e-mail scjltda@aol.com ou do telefone (31) 3375-4525. Parte do faturamento da comercialização do produto será destinado à construção de um Centro de Referência para Prevenção do Câncer da Mulher e Promoção da Saúde, voltado para comunidades carentes.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: