Publicidade

Notícias de saúde

Lentes de contato precisam de cuidados constantes

Belo Horizonte, 19 de março de 2002 (Bibliomed). As lentes de contato representaram uma revolução para os usuários de óculos. A melhora estética, conforto e facilidade foram fatores responsáveis por sua alta popularidade entre a maior parte dos que dependiam de óculos para ver bem. Porém, as pessoas tendem a se esquecer ou a menosprezar os riscos que podem vir do uso deste dispositivo, podendo apresentar complicações graves.

A lente de contato é um dispositivo aplicado em contato íntimo com um órgão extremamente sensível a irritações e infecções, que é o olho. Cuidados com a higiene das lentes são essenciais para manutenção de uma boa saúde ocular, além de vigilância em busca de sinais de irritação, que podem indicar que algo não vai bem com suas lentes ou seus olhos.

Muitas pessoas subestimam os riscos que podem vir do uso das lentes, e tendem a “pular” etapas na limpeza das mesmas, não dar atenção aos sinais de alerta que surgem na saúde ocular.

A curto prazo, a inobservância dos cuidados prescritos para as lentes e olhos podem causar irritação, visão nublada e abrasões da córnea, que é a parte transparente do olho responsável pela transmissão de luz para dentro do olho, onde ela é decodificada e enviada ao cérebro. Estas abrasões podem se transformar em úlceras de córnea, que dependendo de sua gravidade, podem levar à cegueira.

As lentes de contato causam muitos efeitos sobre a córnea, os quais a maior parte das pessoas desconhece. Em alguns casos, estes efeitos são reversíveis e em alguns eles podem ser permanentes. A maioria dos usuários de lentes não enfrenta problemas graves ao utilizar os dispositivos, mas é importante ficar atento para os sinais de complicações, sendo o mais comum a irritação do olho e presença de secreção.

Um dos efeitos causados pelas lentes é a redução de oxigênio na superfície da córnea. A córnea é capaz de absorver oxigênio do ambiente, e as lentes podem impedir esta absorção em maior ou menor grau dependendo do material de que são feitas e do tempo em que são utilizadas por dia. Esta redução no oxigênio pode aumentar a concentração de gás carbônico, que por sua vez pode levar a uma resposta inflamatória caracterizada por inchaço e vermelhidão da córnea.

Lentes mais novas, como as feitas de hidrogel de silicone, podem permitir um melhor fluxo de oxigênio para a córnea. Estas têm sido recomendadas para uso por até 30 dias ininterruptamente. Alguns pacientes, porém, não acham estas lentes tão confortáveis como as feitas apenas de hidrogel.

Não existe lente de contato ideal. A escolha é altamente individual, e um tipo de lente que pode ser excelente para uma pessoa pode não ser tão bom para outra. Algumas formas de prevenção dos problemas que podem surgir com o uso de lentes de contato são as seguintes:

- Visite seu oftalmologista regularmente para verificação de quaisquer problemas ou alterações, mesmo se você não estiver sentindo nenhuma dor, irritação ou outro problema. A maior parte dos problemas é melhor controlada quando descoberta precocemente, e só seu oftalmologista pode fazer isto.

- Seja cuidadoso: use as lentes conforme recomendado pelo fabricante e por seu médico. Inventar procedimentos mais rápidos de limpeza, “economizar” soluções, “esquecer” etapas, podem não ser boa idéia. Lembre-se: trata-se de sua visão, talvez o sentido humano mais importante.

- Sempre tenha consigo um par de óculos de reserva: isto irá permitir que você tire as lentes de contato sempre que sentir seus olhos irritados, cansados ou doloridos, sem prejuízo de suas atividades diárias.

- Lave bem as mãos antes de manusear suas lentes. As mãos são a principal via de contaminação das lentes (e outros dispositivos), e devem merecer atenção cautelosa.

- Faça adequadamente os procedimentos de lavagem das lentes. Esta é a etapa mais importante, que irá garantir a durabilidade de suas lentes e diminuir o risco de contaminação e infecção de seus olhos. Estudos mostram que mais da metade das pessoas não realiza estes procedimentos de lavagem de forma adequada.

Vale sempre lembrar que as lentes de contato representaram um avanço significativo no controle dos problemas de visão, livrando seus usuários do desconforto e do prejuízo estético proveniente do uso de óculos. Mas, apesar disto, não são dispositivos totalmente seguros. A segurança destes depende principalmente de você, que é o principal responsável pela saúde de seus olhos. Em caso de algum problema, não busque informações com amigos, vendedores e outras pessoas: apenas seu oftalmologista está capacitado a orientar você em caso de dúvidas ou surgimento de algum sintoma.

Copyright © 2002 Bibliomed, Inc.

Faça o seu comentário
Comentários


Publicidade

Dicionário Médico

Digite o termo desejado

buscar

Ou clique na primeira letra do termo: